Correios diz que estudos para a privatização estarão prontos em breve

Correios diz que estudos para a privatização estarão prontos em breve

Em nota distribuída internamente aos empregados, os Correios afirmaram que os estudos sobre a privatização da estatal estão quase prontos. Não estabelecem uma data certa para a divulgação do que seria a próxima etapa do processo de venda da empresa pública, sugerindo que isso deve acontecer nos próximos meses.

 

De acordo com a nota enviada, o que se busca é ter “um completo diagnóstico da empresa e do setor postal, o que vai incluir, entre outros, um levantamento das melhores práticas executadas em desestatizações do setor em outros países, com a proposição da melhor alternativa para a reestruturação do setor como um todo no Brasil”. Já publicamos em nossos canais uma matéria mostrando quais os possíveis modelos que poderiam ser adotados no caso de uma privatização dos Correios. São hipóteses feitas com base em depoimentos de fontes do próprio governo. Três seriam as possibilidades para tal, todas com inspiração em processos de privatização realizados em outros países.

 

Ainda segundo a nota distribuída pela empresa, após a divulgação dos estudos, um amplo debate seria realizado para que o processo continue. Necessariamente ele passaria pelo Congresso Nacional, que terá de dar o aval para a venda dos Correios. Além disso, seria necessário a votação de um Projeto de Lei para a regulação do setor postal. Também está prevista uma fase em que seria realizada reunião com os empregados, para apresentação do projeto e detalhamento do assunto.

 

Para mais informações, é possível acompanhar os desdobramentos do projeto neste linkhttps://www.ppi.gov.br/atualizaprojetocorreios.

 

#SomosEssenciais #TodosPelosCorreios

 

Acompanhe as publicações da campanha Todos Pelos Correios! Os conteúdos estão disponíveis no site www.todospeloscorreios.com.br e nos perfis de redes sociais – FacebookInstagram e Twitter. Cadastre-se também no Whatsapp (61) 99448-7766. Curta e compartilhe as informações com todos.

Deixe uma resposta